Pânico 2

Críticas

Ghuyer - 15/04/2011
5


Deixando bastante de lado o humor que acompanhava boa parte do longa anterior, Pânico 2 (Scream, EUA, 1997) surge incrivelmente eficaz mesmo indo contra aquilo que mais chamava atenção no primeiro filme. A regra diz que o original é sempre melhor. Às vezes essa regra é quebrada. Eis um exemplo. Wes Craven e Kevin Williamson se juntam de novo, e de novo fazem mágica. Mas, se Pânico era seu ‘Abracadabra’, Pânico 2 é o ‘Alakazan’!
leia o texto completo