Ótima gastronomia sem muito investimento

imagem de Luciana
Enviado por Luciana em dom, 12/11/2011 - 18:30

Em novembro “inauguramos” na parte do blog dos colunistas um espaço para falar um pouco sobre culinária, onde publicamos nossa experiência com o Umberto Restaurante, fugindo ao maravilhoso tema da Sétima Arte. Dito isso, e para também mostrar que temos um gosto bem variado (indo de restaurantes onde o valor pago por pessoa é bem mais elevado, a outros em que o valor fica mais em conta, mas nem por isso perde em qualidade), em 10/12/2011, munidos de cupons de compra coletiva, fomos conhecer o restaurante Café La Jolla. E digo, que bela aquisição, um restaurante café novo em Porto Alegre e que merece ser plenamente descoberto e divulgado!

Essa imagem foi retirada da internet, pois infelizmente acabamos não tirando uma foto da fachada quando chegamos.

Meio de última hora ligamos e nossa reserva foi realizada para 19h45. Tentamos para 19h30 como dizia no cupom, mas educadamente a pessoa que nos atendeu ao telefone (e que depois viemos a descobrir ser a dona do local) nos pediu para chegarmos 19h45 se fosse possível, para um melhor atendimento. 

Assim sendo, 19h45 em ponto chegamos ao local. Tão logo entramos a funcionária olhou para nós e disse: Luciana? Sim, ela de cara entendeu que nós éramos quem tínhamos feito a reserva e de cara percebemos se tratar da Carol, dona do estabelecimento. Escolhemos um lugar para 4 pessoas, para também deixarmos as pastas e bolsas bem acomodadas.
 
O local tem aquele estilo de casa simples, ambiente familiar, mesinhas e cadeiras de madeira, mas tudo muito bonito e requintado. Alguns quadros da parede davam uma ideia bem variada, desde o quadro com um Chef até o de homens das cavernas caçando algum animal.
 
  
 
Trocamos rápidas ideias com a Carol, atendente super simpática. Ela nos comentou que o local abriu faz dois meses funcionando para o horário do almoço, e há duas semanas começaram a atender à noite, mas somente sextas e sábados.
 
Nosso cupom consistia em entrecot com gratin de batatas e molho de cogumelos selvagens, mais uma taça de vinho Cabernet Sauvignon e sobremesa, essa refeição para duas pessoas pelo valor de R$ 45,00. Parecia ser uma ótima ideia e, por engano ou não, vai saber, o Maza acabou comprando dois cupons...rssss
 
Uma coisa que com o passar do tempo passamos a não abrir mão é do couvert e aqui não seria diferente. Ao contrário de vários locais que já saem colocando o couvert em sua mesa, mesmo sem você pedir, aqui a Carol nos deixou a vontade em relação a isso. E puxa, que couvert! Cenouras crocantes, azeitonas, queijo gorgonzola e de minas, pãezinhos tostadinhos e também as pastas: pesto de rúcula, pasta de grão de bico e berinjela (quentinha, quando da maioria é uma pasta tipo berinjela ao alho e óleo), feito na hora... o custo? R$ 3,50 por pessoa... Sim, muito barato!
 
  
 
Em meio ao couvert ficamos saboreando o Cabernet Sauvignon Aberdeen Angus (falha nossa, não questionamos qual o ano e de que região era o vinho), gostei dele. Até o Maza que tem lá suas restrições com o Cabernet aprovou o vinho (vejam ele na foto em seu primeiro momento de degustação e toda sua preparação para avaliar o vinho...rsss) 
 
  
 
Já plenamente satisfeitos com o couvert, em seguida já apareceu a Carol com o prato principal... e que senhor prato!  Ela ainda nos alerta que para manter toda a construção do prato é preciso tomar cuidado com alguns palitos e cordinhas que estão mantendo a base. Veja o prato sob vários ângulos...
 
  
  
 
Poucas vezes pudemos saborear um entrecot tão bem elaborado como esse, onde não sentíamos apenas o sabor da carne, mas também das batatas, da cebolinha, até a abobrinha delicadamente fatiada que enfeitava os cantos do prato com um toque de pimenta vermelha para queimar a língua (algo que não foi ruim, pois gosto dessa sensação), e pedimos ao ponto. O do Maza veio com quase o dobro de batatas e ele disse que em alguns momentos estava com as bordas levemente torradinhas, mas também achou muito agradável isso, pois o que não aceitamos é carne muito mal passada e nem mal passada, mas sim ao ponto e se passou um pouquinho do ponto... também traçamos, com muito prazer!
 
  
Antes da refeição e o Maza experimentando umas das cebolinhas que enfeitavam o prato
 
Já com aquele olhar pleno de desânimo após uma refeição dessas, ainda tínhamos a sobremesa... hehe o Maza tem lá suas restrições com côco, mas mesmo ele adorou a composição do prato, uma pannacotta de côco com ameixas pretas, simples mas eficiente, e as ameixas na medida e tudo mais, muito suave, geladinho, na medida.
 
  
 
Até a calda de morango e detalhes do chocolate que estavam fora da taça foram para dentro dela, criando um sabor ainda mais irrestível... Nota 10!
 
 
Absurdamente satisfeitos e sem condições de mais nada, pagamos a conta: nosso cupom custou R$ 45,00 e mais o valor que segue abaixo ficou por menos de 70 reais. Se considerarmos que era possível realizar a refeição com uma água mineral a menos e sem os dois couverts (ok, é possível, mas chega a ser uma ofensa não provar esse couvert), a conta toda teria saído por menos de 30 reais por pessoa, consistindo assim, a nosso ver, um excepcional custo x benefício.
 
 
O Café La Jolla fica na Rua Comendador Rheigantz, 114, bairro Auxiliadora. Se você é de Porto Alegre faça um bem a si mesmo e conheça o local. No almoço eles servem entrada mais prato principal por R$ 12,90, valendo muito a pena! Nós, como compramos dois cupons, já sabemos que em breve estaremos por lá de novo, para a volta do entrecot e quem sabe, em outra oportunidade, saborear a moqueca da casa... Está entre nossos alvos para 2012!

Comentários

Comentar

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
CAPTCHA
Esse desafio é para nos certificar que você é um visitante humano e serve para evitar que envios sejam realizados por scripts automatizados de SPAM.
8 + 0 =
Resolva este problema matemático simples e digite o resultado. Por exemplo para 1+3, digite 4.