Paul Thomas Anderson

imagem de Julia

O Mestre

Enviado por Julia em qui, 01/31/2013 - 21:26

Estragando um dos pôsteres de O Mestre, há uma frase óbvia referente ao filme estar ligado à polêmica cientologia. Sem dúvida, ele faz referência a alguns pressupostos da religião (ou culto) como a viagem no tempo, as vidas passadas e as curiosas técnicas de análise. Porém, o filme pode também tratar de tantas outras crenças que estão despontando em pleno século XX, um século de revelações escabrosas sobre igrejas convencionais (como a católica) que causou, em diversos fiéis, a busca por novas fés. A partir daí, o longa de Paul Thomas Anderson consegue retratar a facilidade que essas religiões têm para “recrutar” frágeis indivíduos que buscam não necessariamente a salvação, mas algum tipo de facilidade de enquadramento em uma sociedade que muitas vezes os rejeita.

Subscribe to RSS - Paul Thomas Anderson