Oscar: Filmes que já estrearam por aqui - Parte 1

imagem de Rafael
Enviado por Rafael em ter, 08/30/2011 - 12:33

Engana-se quem pensa que a preparação para o Oscar só começa no fim de ano. Neste exato momento, executivos preparam um jeito de divulgar potenciais candidatos que já estrearam ou estão por estrear.   Ainda mais que a Academia mudou as regras, agora não há um numero fixo de candidatos, que pode variar entre 5 a 10 candidatos concorrendo pela estatueta de melhor filme.  Inicia-se então uma corrida contra o tempo para conseguir estrear o filme até dezembro, data final para longas que almejam receber alguma indicação.

Tentar ganhar indicações para estatueta muitas vezes se torna mais importante do que ganhar a estatueta, em si. O marketing adquirido pelo slogan “indicado ao Oscar”  acaba criando a ideia de boa qualidade para os todos os filmes, aumentado gradativamente a bilheteria significantemente, tamanha é a importância da premiação. Um exemplo seria o vencedor do ano passado, O Discurso do Rei, que teve sua bilheteria inicial quase que triplicada, após receber 12  indicações ao Oscar.

Grande parte dos filmes que chegaram por aqui deve ser indicados em categorias técnicas, sendo raros aqueles que ganharão indicações ao prêmio máximo da Academia. O atraso é uma das formas que as distribuidoras brasileiras usam para aumentar ainda mais a bilheteria do filme, se aproveitando do slogan “indicado a X Oscar”. Sendo assim dividiremos a lista em duas partes: filmes que já estrearam por aqui e filmes que ainda iram estrear.  

A Árvore da Vida: Não podemos esquecer que, assim como todas as outras premiações, o Oscar é uma premiação que se importa com as aparências e com o modo como seus indicados se comportam, e o fato de Terrence Malick ser, praticamente, um misantropo se afastando do universo glamoroso de Hollywood, pode pesar tanto contra como a favor. Mas isso não tira os méritos do longa protagonizado por Sean Penn e Brad Pitt que conta em paralelo a criação do universo e a busca de uma família texana em compreender a morte e a existência de um entidade superior.

Possíveis indicações: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Original, Melhores Efeitos Visuais, Melhor Fotografia, Melhor Trilha Sonora e Melhor Edição.

Capitão América: Filmes de super-heróis tendem a passar em branco pela academia, ao contrario dos de II Guerra, que sempre recebem alguma indicação.  Então é bem provável que a academia pelo menos considere os veteranos integrantes da parte técnica do filme, como o diretor de arte Rick Heinrichs e a figurinista Anne B. Sheppard, pelo bom trabalho feito no filme.

Possíveis indicações: Melhor Figurino, Melhor Maquiagem e Melhor Direção de Arte

Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2: Só por encerrar a saga do menino bruxo no cinema (que durou dez anos), já deve render motivo para indicações. Como a Warner fortalecendo a campanha, é bem provável que o filme consiga uma ou duas estatuetas em categorias técnicas.

Possíveis indicações: Melhor Figurino, Melhor Maquiagem, Melhores Efeitos Visuais, Melhor Direção de Arte e Melhor Trilha Sonora.

Kung Fu Panda 2: A Pixar foi o manda chuva da premiação de melhor animação durante estes últimos dez anos que a categoria existe (recebeu 8 indicações, vencendo 6 delas). Ter amargado seu primeiro fracasso comercial com Carros 2, abriu vaga para sua maior concorrente, que é a Dreamworks.   A continuação da aventura de Pô, um panda lutador de Kung Fu é o carro chefe do estúdio, que ainda conta com a aventura solo do Gato de Botas de Shrek, que só chega ao Brasil em dezembro.

Prováveis indicações: Melhor Animação.

Lanterna Verde: Inúmeras foram às vezes que um filme ganhou o prêmio como forma de consolação ao seu fracasso de publico e de critica. O caso mais recente foi em 2008, onde A Bussola de Ouro ganhou desmerecidamente a estatueta de melhores efeitos visuais, superando os então favoritos, Transformers e Piratas do Caribe: No Fim do Mundo. Lanterna Verde tem tudo para repetir a historia. Não ter conseguido pagar seu enorme custo no mercado interno, sendo grande parte deste dinheiro ter sido investido em efeitos especiais, deve render indicações em prêmios técnicos.

Possíveis indicações: Melhores Efeitos Visuais, Melhor Maquiagem, Melhor Edição de Som e Melhor Mixagem de Som.

Meia Noite em Paris: Há tempos Woody Allen não emplacava um sucesso de critica e de bilheteria.  Merecidamente, o longa superou seu orçamento original no mercado americano, algo raro na carreira do veterano cineasta.  Mais do que merecida seria uma indicação para seu roteiro inovador, que conta a historia de um roteirista (Owen Wilson) que tem a oportunidade de voltar no tempo e conhecer os grandes artistas em uma Paris dos anos 20.

Possíveis IndicaçõesMelhor Roteiro Original, Melhor Figurino e Melhor Direção de Arte.

Melancolia: Assim como A Árvore da Vida, pode sofrer por causa do seu diretor, Lars Von Trier, que deu declarações tidas como polêmicas em Cannes, eliminando bastante as chances de o filme receber alguma indicação. Uma lastima, visto que Melancolia tem uma excelente atuação por parte de seu elenco. No longa, duas irmãs confrontam seus problemas familiares em meio a perspectiva de colisão entre a Terra e o Planeta Melancolia.

Possíveis indicações: Melhor Atriz (Kirsten Dunst), Melhor Atriz Coadjuvante (Charlotte Gainsbourg), Melhores Efeitos Visuais e Melhor Roteiro Original.

Piratas do Caribe - Navegando em Aguas Misteriosas: A franquia da Disney já é familiarizada com a Academia, tendo seus três primeiros longas recebido 11 indicações ao todo.  Com o quarto exemplar da franquia, não deve ser diferente.

Possíveis indicações: Melhor Maquiagem, Melhor Figurino e Melhor Direção de Arte.

Planeta dos Macacos – A Origem:  O prequel do clássico de  1968, protagonizado pelo  então jovem Charlton  Heston, traz consigo o nome do já consagrado Peter Jackson, diretor da trilogia Senhor dos Anéis, que é o dono da WETA, empresa responsável pela captura de movimentos aplicada em Andy Serkis, que interpreta o macaco César.  Serkis, que já é famoso por interpretar Gollum/ Smeagol  em Senhor do Anéis e King Kong no filme homônimo, já anda tendo sua atuação comentada, falando se inclusive em indicação a ator coadjuvante. Mas o fato da Academia ser bastante conservadora debilita suas chances.

Possíveis Indicações: Melhores Efeitos Visuais, Melhor Edição de Som e Melhor Mixagem de Som.

Rango: O western protagonizado por um camaleão tem tudo para ser indicado e a até para vencer. A técnica inovadora usada por Gore Verbinski, criando a animação com base na atuação dos atores, ao invés de somente a voz como é feita nas demais animações, deve se o principal responsável pela provável indicação.

Possíveis Indicações:  Melhor Animação.

Rio: Ter sido um grande sucesso comercial, somado ao fato de os grandes estúdios de animação não terem um forte candidato, são os principais fatores que fortalecem  a animação da arara azul Blu.  O fato de estar sendo feito por um estúdio menor, comparado aos outros, o torna o grande azarão da noite.

Possíveis Indicações: Melhor Animação e  Melhor Canção Original (Real in Rio).

Super 8: O nome de Spielberg por produtor e como homenageado no longa já faz com que o bom filme ganhe um impulso bom, mas limitado. Mesmo com Spielberg, há ainda grandes chances de passar em branco pelos votantes da academia.

Possíveis indicações: Melhores Efeitos Visuais, Melhor Edição de Som, Melhor Figurino e Melhor Mixagem de Som.

Thor: Mais um longa de super herói que deve passar batido pelos votantes da academia, mas é o que tem mais oportunidade entre Capitão América e X-Men. O fato de ser um épico e ser dirigido por Kenneth Branagh é um bônus a mais para o filme.

Possíveis indicações:  Melhor Direção de Arte e Melhor Figurino.

Transformers - O Lado Oculto da Lua: Assim como Piratas do Caribe, é outro grande blockbuster que tenta a sorte em categorias menores. Outra vez o nome de Spielberg nos créditos pode ajudar a dar um impulso.

Possíveis indicações: Melhores Efeitos Visuais, Melhor Edição de Som e Melhor Mixagem de Som.

X-Men – Primeira Classe:  Outro prequel que tem chances de emplacar algumas indicações técnicas. Uma pena para os fãs da saga que a trilha  de Henry Jackman e a atuação de Michael Fassbender sejam completamente ignoradas pela Academia.

Possíveis indicações: Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino e Melhor Maquiagem.

 

To be continued...

Comentários

imagem de Ghuyer

Enviado por Ghuyer em sab, 09/03/2011 - 13:10

Da minha parte, dos filmes citados, acho que

  • Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2 também pode ser indicado a Melhor Filme;
  • Lanterna Verde não será indicado a Melhores Efeitos Visuais;
  • Meia-Noite em Paris pode ser indicado a Melhor Filme;
  • Melancolia pode ser indicado a Melhor Fotografia e a Melhor Edição de Som (ou Mixagem);
  • Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas será indicado a nada;
  • Rango pode ser indicado a Melhor Trilha Sonora e a Melhor Edição de Som (e/ou Mixagem);

Agora palpites de filmes fora da lista acima:

  • Os Agentes do Destino pode ser indicado a Melhor Trilha Sonora;
  • Sucker Punch: Mundo Surreal pode indicado a Melhor Direção de Arte e Melhores Efeitos Visuais;

E fico no aguardo para a segunda parte das previsões.

imagem de CCINE 10 - Kadu Silva

Enviado por CCINE 10 - Kadu... (não verificado) em sab, 09/17/2011 - 08:39

Fazia tempo que não entrava no site. E me deparar com essa matéria foi uma grande e deliciosa surpresa. Gostei muito do tom direto do texto e das argumentações de cada filme. Tenho a mesma opinião sobre eles, infelizmente concordo contigo, X-Men: Primeira Classe não deve receber todas as indicações que merecia. Ainda mais se pensarmos que vem alguns grandes concorrentes até o final do ano.
Bom, parabéns Rafael e abraço.

KADU SILVA
www.ccine10.com.br

imagem de Ghuyer

Enviado por Ghuyer em seg, 11/21/2011 - 01:49

Eu quero Henry Jackman indicado ao Oscar.

Eu quero Henry Jackman indicado ao Oscar.

Eu quero Henry Jackman indicado ao Oscar.

Na véspera do anúncio dos indicados eu vou falar isso no banheiro de frente para o espelho no escuro. Quem sabe acontece.

Obs: Puta que pariu. O tema principal da trilha é sensacional e merecia sozinho todos os Oscars do mundo.

imagem de Rafael

Enviado por Rafael em seg, 11/21/2011 - 11:51

 a trilha de Primeira  Classe é a minha preferida deste ano.

Mas duvida que seja indicado.

 

 

imagem de Ghuyer

Enviado por Ghuyer em seg, 11/21/2011 - 14:08

Minhas cinco trilhas favoritas do ano até agora, as que eu indicaria:

  • Agentes do Destino (Thomas Newman)
  • Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2 (Alexandre Desplat)
  • A Pele Que Habito (Alberto Iglesias)
  • Rango (Hans Zimmer)
  • X-Men: Primeira Classe (Henry Jackman)

E outras que de destacaram, pra mim:

  • Contágio (Cliff Martinez)
  • Incontrolável (Harry Gregson-Williams)
  • Kung Fu Panda 2 (Hans Zimmer e John Powell)
  • Namorados Para Sempre (Grizzly Bear)
  • Planeta dos Macacos: A Origem (Patrick Doyle)
  • Super 8 (Michael Giacchino)
  • Thor (Patrick Doyle)
  • VIPs (Antonio Pinto)

Comentar

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
CAPTCHA
Esse desafio é para nos certificar que você é um visitante humano e serve para evitar que envios sejam realizados por scripts automatizados de SPAM.
CAPTCHA de imagem
Digite o texto exibido na imagem.